Orpheu Leal

Como é bom viver em Paz!

Textos


             A INVEJA

A inveja é um despeito
Por qualquer sucesso alheio,
Jogo sujo, imperfeito,
Sem escrúpulo, sem receio.

As pessoas invejosas
Querem tudo para si,
São serpentes venenosas,
Coisa igual eu nunca vi.

Visam o céu e a terra,
Num egoísmo notório,
Transformam a paz numa guerra
Sem se importar com velório.

Não têm a medida certa
Do equilíbrio perfeito,
Sua cobiça desperta
Toda a maldade do peito.

Com a falsidade de escora,
Agindo em forma de escudo,
Esperam chegar a hora
Para a conquista de tudo.

E a inveja vira feitiço,
Contra o próprio feiticeiro,
Quando o alvo está a serviço
De Deus Pai, o Justiceiro.

 
Orpheu Leal
Enviado por Orpheu Leal em 30/12/2019


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras