Orpheu Leal

Como é bom viver em Paz!

Textos


               ALÇAPÃO DO VÍCIO
 
    Vós que caístes no alçapão do vício,
    vivereis como pássaros tristonhos,
    cujas asas serão um desperdício,
    pois não farão os voos de seus sonhos.
 
    Atendei, oh! Deus, as almas carentes,
    que tentam libertar-se dos grilhões,
    mas continuam pobres dependentes,
    da maldição que já matou milhões.
 
    O vício leva todos os drogados
    a aguardarem, sem estardalhaços,
    a triste sina de sua própria morte.
 
    Olhai, meu Deus, por esses viciados,
    fazei com que se livrem desses laços,
    que os mantêm traídos pela sorte.
 

 
Orpheu Leal
Enviado por Orpheu Leal em 09/02/2018
Alterado em 09/02/2018


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras